sábado, 25 de setembro de 2010

Top 10 taxas de juros: Cheque Especial

Continuando com o Top 10 das maiores taxas de cheque especial cobradas pelos bancos brasileiros aqui no Serviços Bancários divulgando as informações que estão disponibilizadas no site do Bacen (www.bcb.gov.br).
As taxas aqui divulgadas são do período 08/09/2010 a 14/09/2010 e foram divulgadas em 25/09/2010.


1º Citibank                          9,63% a.m.(1)[5]
2º Santander (Brasil)            9,21% a.m. (2)[5]
3º HSBC Bank Brasil           9,20% a.m. (3)[5]
4º Banestes                         9,09% a.m. (3)[5]
5º BRB Banco de Brasília     8,97% a.m. (5)[5]
6º Banrisul                          8,92% a.m. (6)[5]
7º Banco JBS                     8,54% a.m. (8)[5]
8º Itaú Unibanco                  8,52% a.m. (10)[4]
9º Banese                            8,48% a.m. (9)[5]
10º Bradesco                        8,39% a.m. (0)*[3]

*Banco não constava no Top 10 anterior

Quanto a média das taxas tivemos a repetição - pela terceira vez - da taxa de 8,89% a.m. que é a segunda mais alta desde quando começamos a fazer nosso ranking, seguem as taxas médias:

1º 8,96% a.m. divulgada em 17/08/10
2º 8,89% a.m. divulgada em 07 e 28/08, 25/09/2010
3º 8,86% a.m. divulgada em 11/09/10
4º 8,85% a.m. divulgada em 03/09/2010

Quer entender melhor o ranking? Acesse o primeiro da série aqui.

sábado, 18 de setembro de 2010

O que é um Caixa Automático (ATM)?

Caixa Automático, Caixa Eletrônico ou ATM - do inglês Automatic Teller Machine - nada mais é que um meio criado pelos bancos para facilitar as transações bancárias, no caixa automático o cliente é responsável por toda a operação dessa maneira os custos de transação das ATMs são mais baratos do que aqueles realizados na boca do caixa.

Nos caixas eletrônicos é possível fazer desde operações simples, como saque, retirada de extrato e depósitos, até transações mais complexas - possível em alguns bancos - como aplicação em fundos de investimento.

Os caixas automáticos funcionam os sete dias da semana das 06:00 as 22:00 em quase a totalidade dos pontos de acesso - alguns locais como aeroportos e hospitais podem ter esse horário estendido, porém o valor para saque é reduzido e fica a cargo de cada instituição financeira deixar ou não seu terminal de auto-atendimento funcionando - essa restrição de horário se deve para tentar aumentar a segurança dos correntistas, evitando sequestros relâmpagos por exemplo. Os valores limites das operações (como saques) variam conforme o banco.

No  Brasil contamos com uma rede Banco 24horas, da empresa TecBan (Tecnologia Bancária www.tecban.com.br), os corremtistas das instituições que fazem parte desse acordo podem efetuar transações em mais de 9000 caixas eletrônicos da rede espalhados por todo o país, os bancos participantes estão listados a seguir:
  • American Express
  • Banco Alfa
  • Banco Banif
  • Banco BMG
  • Banco Cruzeiro do Sul
  • Banco da Amazônia
  • Banco do Brasil
  • Banco do Nordeste
  • Banco Fator S.A.
  • Banco ibi
  • Banco Nossa Caixa
  • Banco PanAmericano
  • Banco Votorantim Cartões
  • Banese
  • Banestes
  • Banpará
  • Banrisul
  • BicBanco
  • Bradesco
  • BRB
  • Cacique
  • Caixa Econômica Federal
  • Carrefour Soluções Financeiras
  • Cartão Viva! Unimed
  • Cetelem-Aura
  • Citibank
  • Credicard
  • Diners
  • Fininvest
  • HSBC
  • Itaú Unibanco
  • Losango
  • Mercantil do Brasil
  • Safra
  • Santander
  • Sicoob
  • Sicredi
  • Unicard Unibanco
  • Unik
Outro serviço que pode ser efetuado via caixa automático são os depósitos, muitos clientes não gostam e/ou não se sentem confiantes de realizar transações por esses meios, mas o depósito via ATM é tão ou mais seguro que o realizado na boca do caixa pois a transação é toda monitorada, como? Vamos lá, quando você está no ambiente dos caixas automáticos existe uma câmera do circuito interno filmando toda a sua movimentação, até a abertura do envelope pelos funcionários do banco (os envelopes são abertos na presença de dois funcionários) sempre existirá uma câmera para garantir a segurança, o comprovante que será emitido pelo terminal é sua garantia, caso a máquina não emita o comprovante procure um funcionário do banco, se efetuou o depósito em fins de semana ou feriado utilize o telefone localizado dentro do auto-atendimento.

Uma desvantagem do depósito na ATM para o convencional é que o depósito em dinheiro realizado pelo meio eletrônico apenas entrará na conta quando for efetuada a conferência do depósito, já depósitos em cheque como precisam ser compensados são, na realidade, até mais praticos de serem efetuados via Caixa Automático.

Para encerrar uma dica importante, existe um boato na internet que diz que, em caso de sequestro, se o cliente digitar a sua senha de maneira invertida o caixa efetuará o saque e chamará a polícia, essa informação é falsa, o máximo que poderá acontecer é o bloqueio da sua senha após algumas tentativas o que poderá colocá-lo mais em risco do que já está, se essa informação fosse veridica porque os caixas automáticos teriam horário restrito de funcionamento?

Ranking de Reclamações - Agosto 2010

Estou divulgando aqui hoje a nova tabela com as cinco instituições financeiras que mais tiveram reclamações sobre seus serviços bancários no mês de agosto segundo dados do Banco Central.
Podemos perceber, quando comparado ao ranking anterior, que houve um grande aumento das reclamações contra o BB e Itaú, primeiro e segundo respectivamente do ranking, reclamações geradas em sua maioria, talvez, pelos processos de aquisição que esses bancos estão passando?
No entanto Bradesco, Santander e HSBC tiveram uma queda no número de reclamações, sendo que no fim do ranking tivemos uma troca de posições entre Santander e HSBC, que aparecem em quarto e quinto, respectivamente, nesse ranking enquanto ocupavam posições inversas no outro.
Segue a tabela com o ranking atualizado:

PosiçãoInstituiçãoReclamações ProcedentesClientesÍndicesReclamações ImprocedentesOutras Reclamações
Cong. BB28430.452.1170,93159979
Cong. Itaú16320.585.8750,79154939
Cong. Bradesco11927.978.1250,4398527
Cong. Santander5620.670.2990,2740364
Cong. HSBC104.318.8230,231897

domingo, 12 de setembro de 2010

Top 10 taxas de juros: Cheque Especial


Em mais uma semana estou aqui divulgando as taxas de cheque especial cobradas pelos bancos brasileiros, elas são retiradas com base na divulgação do BCB e as que estão aqui divulgadas hoje são do período de 24/08/2010 a 30/08/2010 e foram divulgadas em 11/09/2010.

1º Banco Citibank SA                               9,47% a.m.(1)[4]
2º Banco Santander (Brasil) SA                9,19% a.m. (2)[4]
3º HSBC Bank Brasil SA Banco Múltiplo   9,11% a.m. (3)[4]
    Banco Banestes SA                             9,11% a.m. (4)[4]
5º BRB Banco Brasília                              8,96% a.m. (5)[4]
6º Banrisul                                               8,76% a.m. (6)[4]
7º Banco Rendimento SA                          8,58% a.m. (0)*[3]
8º Banco JBS                                           8,54% a.m. (7)[4]
9º Banese                                                8,48% a.m. (8)[4]
10º Itaú Unibanco                                      8,44% a.m. (9)[3]

*Banco não constava no Top 10 anterior

Sem muitas novidades nesse nosso ranking, vide os números entre conchetes e parênteses, para entender mais sobre esses números acesse o primeiro post da série.

Enquanto a taxa média de juros do período é a segunda mais baixa, como podemos ver abaixo:

1º 8,96% a.m. divulgada em 17/08/10
2º 8,89% a.m. divulgada em 07 e 28/08/10
3º 8,86% a.m. divulgada em 11/09/10
4º 8,85% a.m. divulgada em 03/09/2010

Códigos de Bancos na Compensação


Abaixo seguem os códigos dos principais bancos brasileiros no sistema de compensação nacional, esses códigos são utilizados nos serviços bancários entre bancos, como por exemplo a compensação de cheques, no envio de TED/DOC, até nos boletos que pagamos todos os dias, a relação completa contendo todos os bancos pode ser encontrada no site do Banco do Central (http://www.bcb.gov.br), na seção Serviços ao Cidadão, fonte desse meu post.

356 – ABN Amro Real
003 – Banco da Amazônia
096 – Banco BMF
719 – Banco Banif
318 – Banco BMG
004 – Banco do Nordeste do Brasil
237 – Banco Bradesco
001 – Banco do Brasil
070 – Banco de Brasília
104 – Caixa Econômica Federal
745 – Banco Citibank
756 – Banco Cooperativo do Brasil – Bancoob
021 – Banestes
037 – Banpará
041 – Banrisul
047 – Banese
265 – Banco Fator
224 – Banco Fibra
399 – HSBC Bank Brasil
341 – Itaú Unibanco
079 – Banco JBS
389 – Banco Mercantil do Brasil
045 – Banco Opportunity
623 – Banco Panamericano
422 - Banco Safra
033 – Banco Santander
250 – Banco Schahin
409 – Unibanco

sábado, 4 de setembro de 2010

Ranking de Reclamações - Julho 2010

Quem procura serviços bancários procura além do melhor serviço bom atendimento e cumprimento das leis pelas instituições financeiras, portanto a partir de hoje vou mostrar aqui o ranking mensal do Banco Central de reclamação dos bancos com mais de um milhão de clientes.

São cinco os itens abordados nessa lista, o primeiro mostra quantas reclamações o Bacen julgou como procedente, isso é, quantas reclamações os bancos tiveram que descumpriram normativos do Conselho Monetário Nacional (CMN) e do BC. O segundo item mostra o número de total de clientes protegidos pelo Fundo Garantidor de Créditos (FGC) da instituição; o terceiro, chamado de índice, é o resultado da divisão do número de reclamações dividido pelo número de clientes e multiplicado por 100.000 (cem mil). O quarto item mostra o número de reclamações improcedentes, isso é, reclamações que ficaram comprovadas, por parte de informações cedidas pelos bancos, que não houve descumprimento dos normativos do CMN e do BC. A quinta e última mostra o número de reclamações que não envolvem desrespeito aos normativos, como as ligadas a atendimento por exemplo.

No último ranking divulgado pelo Bacen era essa a situação:

PosiçãoInstituiçãoReclamações ProcedentesClientesÍndicesReclamações ImprocedentesOutras Reclamações
Cong. BB19030.452.1170,62167950
Cong. Itaú10420.585.8750,51132755
Cong. Bradesco13627.978.1250,4994539
Cong. HSBC174.318.8230,3922108
Cong. Santander6720.670.2990,3279884

Top 10 taxas de juros: Cheque Especial

Nessa primeira semana de Setembro o nosso ranking não muda muito se comparado com o da semana anterior, nas oito primeira posições nenhuma mudança, a maior novidade é que pela primeira vez os dois maiores bancos privados do país aparecem na nossa relação.

Então vamos a elas, os dados aqui mostrados foram divulgados pelo Banco Central em 03/09/2010 e são com referência no período de 17/08/2010 a 23/08/2010.

1º Banco Citibank SA                               9,59% a.m. (1)[3]
2º Banco Santander (Brasil) SA                9,19% a.m. (2)[3]
3º HSBC Bank Brasil SA Banco Múltiplo   9,17% a.m. (3)[3]
4º Banco Banestes SA                              9,10% a.m. (4)[3]
5º BRB Banco de Brasília SA                    8,96% a.m. (5)[3]
6º Banco do Estado do RS SA                  8,69% a.m. (6)[3]
7º Banco JBS                                           8,54% a.m. (7)[3]
8º Banco do Estado de SE SA                  8,48% a.m. (8)[3]
9º Itaú Unibanco                                       8,43% a.m. (10)[2]
10º Banco Bradesco SA                           8,42% a.m. (0)*[2]

*Banco não constava no Top 10 anterior

Só lembrando que os números que aparecem entre parênteses mostram a posição da instituição do Top 10 anterior e o número entre conchetes quantas vezes ela já apareceu anteriormente.

A boa notícia dessa semana é que a média das taxas é a mais baixa desde que começamos fazer a medição das taxas, ficando em 8,85% a.m., veja abaixo:

1º 8,96% a.m. divulgada em 17/08/10
2º 8,89% a.m. divulgada em 07 e 28/08/10
3º 8,85% a.m. divulgada em 03/09/2010

Entenda mais sobre o nosso ranking, clique aqui.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Macys Printable Coupons